O que eu ando ouvindo – Playlist nacional

Eu nunca fui daquelas que anda por aí com iPod sempre ligado, de fone de ouvido pra baixo e pra cima. Eu já sou desastrada naturalmente e, ao escutar música, me prendo à letra e, literalmente, viajo. Essa combinação, não geraria bons resultados.

Mas a música, é uma das coisas que mais me inspira. Talvez por essa viagem que ela me proporciona… Tenho ouvido muito enquanto trabalho, tornou-se automático, ligo o notebook e uma das primeiras abas que abro é a do youtube.

Muita gente tem curiosidade em saber o que escuto, qual meu ritmo preferido e tudo mais. Não sei se isso vai decepcionar, mas a coisa que mais me atrai nas músicas são as letras e não seus ritmos. Eu ouço de tudo, desde rock à pagode, desde que a letra vá além de repetições monossilábicas – tenho um leve preconceito com sertanejo!

Separei algumas das músicas e artistas nacionais, que tenho escutado com maior frequência nos últimos dias. Como disse, vou do rock ao pagode:

1. O Teatro Mágico

Conheci a trupe de Osasco há mais de 8 anos, foi amor à primeira canção. Me apaixonei pelo jogo de palavras bem feito, perfeito do letrista Fernando Anitelli. As críticas à sociedade atual, à mídia e à politica feitas em forma de poesia, casaram perfeitamente com meu modo de pensar e ver o mundo. Desde então, costumo brincar que “só enquanto eu respirar, vou me lembrar” das músicas d’O Teatro Mágico. Se eu precisasse escolher hoje uma única banda para ouvir, seria certamente eles que eu escolheria. Além disso, todas as músicas e clipes, bem como o DVD estão disponíveis de forma gratuita na internet.

2. Legião Urbana

Ta aí uma banda que curto por herança. Aprendi a gostar de Legião com meu pai, me apaixonei pelas letras feitas pelo Renato Russo, letras que atravessam a barreira dos anos e cabem perfeitamente no presente que vivemos. Vou confessar, acho Renato Russo um mestre, afinal, qual outro compositor tem uma música que dura quase 10 minutos, sem repetições? Há contradições, há quem não goste. Mas como disse, música pra mim, é poesia. E nisso, Legião Urbana é um gigante. Quem nunca se emocionou ao ouvir essa canção?

3. Ana Carolina

Vou confessar que eu sempre tive pavor de mulher cantando. Não acho nem um pouco bonito a voz fina e o agudo estridente daquelas mulheres com voz de mulherzinha – acho que deu pra entender. Mulher, para cantar, e eu achar bonito, tem que ter voz forte. Me arrepia ouvir a Ana Carolina cantar. Sem contar que acho as letras dela magníficas. Falam de amor sem melosidades, acho incrível!

4. Lulu Santos

Sem grandes explicações, eu simplesmente me emociono ouvindo o Lulu. O vejo como um ícone da música brasileira.

5. Charlie Brown Jr.

A banda, me acompanhou na minha adolescência, aquela fase rebelde que todos passam – a minha durou poucos meses – foi sempre embalada pelas músicas do CBJr em volume máximo no quarto. As letras traduzem muito daquilo que sentimos, de uma forma única. Hoje, continuo a ouvir, quando me pego querendo um bom rock com letras bem pensadas, é sempre ao CBJr que recorro. “Você deixou saudade”, Chorão.

6. Sambô

Há dias em que tudo que você mais quer é sair por aí sorrindo e cantando um bom samba. Sambô joga pra cima qualquer um, até quem não gosta de samba e pagode, é impossível não se contagiar pelo ritmo. Na escolha da música para o post, escolhi essa, pois sou apaixonada pela letra desse samba clássico, é a cara do Brasil. “Não deixe o samba morrer!”

7. Thiaguinho e Exaltasamba

Apesar dele ter algumas letras vazias, muitas das suas músicas são com letras muito bem escritas. O acompanho desde o Exaltasamba e sempre gostei das letras escritas por ele e da interpretação. Não canso de ouvir essa música, a voz da Mariana Rios é linda (ela não tem voz de mulherzinha, como disse) e a dupla combinada com a letra, me encantam.

8. Frejat

Um dos últimos que comecei a ouvir, mas tem se tornado cia diária. Sempre ouvi falar, mas nunca tive aquele impacto de achar muito bom ou alguma letra me tocar profundamente. Mas nos últimos meses, comecei a escutar e gostar. Simples assim. kkkk

9. Jota Quest

É uma das bandas unanimidades nacionais. Nunca vi alguém que não goste de Jota Quest. É a tal banda que várias gerações ouvem junto e todas gostam, algumas mais de uma música, outras de outra. Mas não há ninguém que diga que não gosta de nenhuma música deles.

10. Cassia Eller

Assim como a Ana Carolina, é outra daquelas mulheres sem voz fina de mulherzinha. Outra que atravessou gerações, assim como Legião.

Citei os 10 artistas nacionais que mais ouvi nos últimos meses, além desses, Nando Reis, Maria Gadu, Mallu Magalhães – uma exceção à voz de mulherzinha -, Ivete Sangalo, Pollo e P9 têm composto minha playlist nacional.

E vocês, o que têm escutado ultimamente?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s